Retificação ECD: Como fazer?

Os livros contábeis das empresas são transmitidos à Receita Federal através da Escrituração Contábil Digital (ECD), que no ano de 2021 foi prorrogada até 30 de julho. Com o fim do prazo, os empresários e contadores podem encontrar informações incorretas em suas escriturações.

Por isso criamos esse artigo para orientar nossos leitores a identificarem os erros presentes e se acertarem com a Receita Federal.

ECD

A Escrituração Contábil Digital integra o Sistema Público de Escrituração Digital (SPED), criado para substituir a escrituração em papel. Por via da ECD, as empresas informam todo ano para à Receita Federal,os dados a seguir:

Livro Diário e seus auxiliares: registro das movimentações financeiras, entradas e saídas que não alteram as finanças, junto às obrigações fiscais e as provisões a serem recebidas.

Livro Razão e seus auxiliares: controle das contas patrimoniais descritas no Livro Diário, para identificar os registros contábeis possivelmente em aberto. 

Balancetes, Balanços e fichas de lançamento: Conhecidos como Livros Fiscais, por sua importância diante  dos órgãos fiscalizadores, como a Receita Federal e a Secretaria da Fazenda Estadual.

Como retificar?

Substituir a ECD para realizar alterações nas informações, é permitido até o final do prazo para entrega. Após autenticação dos livros, só podem ser substituídos por erros que alterem os resultados da escrituração, de acordo com o artigo 16 da Instrução Normativa DREI nº 11/2020. 

Como o prazo acabou em Julho, existem correções que podem ser feitas através do lançamento contábil extemporâneo, nos casos a seguir:

  • erros materiais que demandem a reemissão das demonstrações contábeis e sua aprovação pelos órgãos de governança e pelos acionistas.
  • finalização e aprovação das demonstrações contábeis que ocorreram posteriormente ao arquivamento da ECD com saldos diferentes.

Quando não é possível?

Caso o erro não permita o lançamento contábil extemporâneo, será necessário que o contador cancele as autenticações dos livros, para que seja feita uma nova escrituração através do Termo de Verificação para Fins de Substituição.

Nos documentos devem constar a identificação da escrituração substituída, todas informações sobre os erros, clareza na identificação dos registros com erros, com exceção daqueles que decorrerem de outro erro já identificado. A autorização para acesso do Conselho Federal de Contabilidade a informações pertinentes às mudanças também é fundamental.

Substituição

É preciso remover a assinatura do arquivo e validação do livro no PVA do SPED ECD, para correção no livro digital. Após isso, é preciso selecionar o “Arquivo/Escrituração”, clicar em “Contábil/Validar” e, depois, em “Escrituração Contábil”. 

Depois é preciso realizar a assinatura do documento e gerar o requerimento de substituição. Por fim, transmita o arquivo que não precisa ser assinado pelo próprio profissional da contabilidade que assina os livros contábeis substitutos.

 

JL Ramos Contabilidade Digital

Compartilhe este artigo:

RAIS: atualizações para transmissão da declaração

O que é a RAIS?

A Relação Anual de Informações Sociais armazena informações sobre os trabalhadores brasileiros, junto aos vínculos empregatícios. Instituída pelo Decreto nº 76.900, em 1975.

O governo federal controla os registros trabalhistas, para identificar os trabalhadores que por direito devem receber o abono salarial PIS/PASEP. Devido a isso, as empresas apresentam anualmente a RAIS, com exceção dos MEI (Microempreendedor Individual).

Atualização

Empresas que declaram a RAIS, precisaram instalar as novas versões do GDRAIS do ANO BASE ou do GDRAIS GENÉRICO. Porém, antes é preciso fazer a cópia dos dados relacionadas à versão anterior, sendo transmitida pela GDRAIS 2020 – Versão 1.3  e o GDRAIS Genérico 1976-2019 – Versão 1.2. É importante lembrar que esse ano, os programas GDRAIS e GDRAIS GENÉRICO vão ser bloqueados para empresas que são obrigadas ao envio de eventos periódicos (folha de pagamento) ao eSocial.

Segundo processamento da RAIS

Estão liberadas para enviar as informações via GD-RAIS, aquelas empresas que foram recolocadas no eSocial, aprovado até o dia 3 de agosto. Aquelas que tiveram a aprovação depois dessa data, permaneceram bloqueadas na GD-RAIS nesse momento.

Assim, empresas que pertencem aos Grupos 1 e 2 que enviaram as informações pelo eSocial referente a RAIS ano-base 2020, até o dia 16 de julho deste ano, vão ter as declarações processadas no primeiro lote em 2022.

Já as empresas do Grupo 3 e 4 do eSocial  obrigadas a declarar a GDRAIS, mas não cumpriram o prazo determinado no primeiro processamento, podem declarar até o dia 24 de setembro.

Processamento das informações do PIS

Com as mudanças causadas pela Resolução, CODEFAT, nº 896, de 23 de março de 2021, serão processadas entre outubro de 2021 a janeiro de 2022, as informações relacionadas ao ano-base 2020.

Devido à isso, é possível prever que será liberado em janeiro de 2022 o calendário de pagamentos. Neste ano não terá pagamento e abono para os trabalhadores. Todo trabalhador que possui carteira assinada e recebe até dois salários mínimos, tem direito ao abono, sendo necessário também estar cadastrado no PIS/Paesp à no mínimo cinco anos, tendo trabalhado 30 dias no ano-base.

Compartilhe este artigo:

Contabilidade Digital: Vantagens que o ContaAzul oferece

O que é o ContaAzul?

ContaAzul é uma empresa de software brasileira que oferece uma plataforma de gestão de negócios, inteiramente em nuvem, para micro e pequenas empresas. A plataforma do ContaAzul possibilita integrações de seus clientes com governo, bancos etc. Por ser um software, a solução é classificada como sistema ERP para pequenas empresas.

Como funciona a parceria entre a JL RAMOS e o ContaAzul?

O ContaAzul possui uma relação de parceria com a JL Ramos, com o objetivo de organizar as empresas de seus clientes. A JL Ramos utiliza desse sistema ERP,  para executar com precisão diversas tarefas como controle de fluxo de caixa e conciliação bancária. Assim, fica mais fácil para os clientes do escritório entenderem a contabilidade de suas empresas.

A JL Ramos tem o privilégio de ser parceiro nível ouro, fruto de muito trabalho junto aos especialistas do ContaAzul.

Vantagens da contabilidade digital para seu negócio

1.Atendimento fácil e rápido

Um dos maiores medos dos empreendedores que estão buscando a contratação de uma empresa de contabilidade digital é em relação à qualidade e disponibilidade do atendimento. Porém, o modelo online de contabilidade facilita ainda mais o suporte que o contador pode oferecer, a tecnologia também aumenta a qualidade e rapidez no trabalho dos contadores.

Os clientes da JL Ramos, possuem atendimento via chat, e-mail e também por ligação, tornando o suporte mais eficiente e de fácil acesso por parte dos clientes.

2. Plataforma de Gestão

A maior vantagem dos serviços de contabilidade digital é que o digital não remete apenas à forma de atendimento, mas a todo o modelo de gestão das obrigações contábeis e das finanças de sua empresa.

Através de um sistema ERP, você tem acesso a uma série de ferramentas, como controle de fluxo de caixa e conciliação bancária. Desta forma, torna-se muito mais prático acompanhar e entender a contabilidade de sua empresa, nós da JL Ramos utilizamos o ContaAzul, uma das ferramentas de ERP mais utilizadas do Brasil.

3. Segurança na documentação

Mais uma vantagem do ContaAzul é a segurança na hora de armazenar os documentos contábeis, dentro de uma nuvem protegida de qualquer dano físico ou perda. 

4. Informações para tomada de decisão

Com uma contabilidade digital que ofereça uma plataforma de gestão, fica mais fácil identificar informações que podem auxiliar nas tomadas de decisões dentro de sua empresa.

5. Independência para o empresário

Na contabilidade tradicional que não é utilizado recursos digitais, é normal que o empresário não tenha fácil acesso aos seus documentos e resultados, muitas vezes onde apenas o contador acompanha as obrigações sem interferência do cliente. A contabilidade digital permite que tanto o escritório quanto o cliente tenham o mesmo nível de informação e acesso aos dados.

 

Compartilhe este artigo: